CUIABÁ

OCORRÊNCIA

Foragido por estupro de vulnerável no Acre é localizado e preso em Cuiabá

A unidade da Polícia Civil recebeu no domingo o registro de uma ocorrência envolvendo crime sexual

Publicado em

POLÍCIA

Reprodução
Um foragido da Justiça do estado do Acre pelo crime de estupro de vulnerável teve o mandado de prisão cumprido pela Polícia Civil neste domingo (19.06), em Cuiabá. O homem de 34 anos foi preso por uma equipe do Plantão 24h de Atendimento a Vítimas de Violência Doméstica e Sexual de Cuiabá.  

– NOTÍCIAS EM TEMPO REAL: participe do grupo do MT Notícias no WhatsApp e acompanhe tudo em primeira mão. Inscreva-se aqui no Grupo 1 e no Grupo 2! Participe também do Grupo de Discussão

A unidade da Polícia Civil recebeu no domingo o registro de uma ocorrência envolvendo crime sexual supostamente praticado pelo foragido contra uma adolescente, na Capital. A mãe da vítima procurou o Plantão 24h ao tomar conhecimento de que o companheiro, com quem convivia há vários anos, teria cometido abusos contra a filha dela, de 15 anos, tendo a última situação ocorrido no ano passado.

A equipe plantonista realizou checagem das informações e constatou que contra o suspeito do abuso da adolescente constava um mandado de prisão decretado em 2020 pela 2ª Vara da Infância e Juventude da cidade de Rio Branco (AC), por crime semelhante.

Leia Também:  Ambev estuda proposta para usar mandioca de Mato Grosso na produção de cerveja

Os investigadores realizaram diligências e localizaram o foragido no bairro Dr. Fábio 2 e o conduziram ao Plantão 24h para a formalização do mandado.

Em relação ao abuso sexual contra a adolescente, a delegada Lizzia Ferraro requereu medidas protetivas ao Judiciário. O procedimento será encaminhado para investigação da Delegacia Especializada de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente de Cuiabá.

 

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

POLÍCIA

PM recupera 75 celulares e prende dupla por roubo e cárcere privado

Publicados

em

Foto: Divulgação PM

A Polícia Militar prendeu em flagrante, nesta terça-feira (09), dois homens, de 19 e 31 anos, por roubo e cárcere privado registrados em Rondonópolis. Na ação a PM recuperou 75 celulares, peças de semijoias e a quantia de R$ 1,3 mil. Com os suspeitos também foi apreendida uma arma de fogo com seis munições.

– NOTÍCIAS EM TEMPO REAL: participe do grupo do MT Notícias no WhatsApp e acompanhe tudo em primeira mão. Inscreva-se aqui no Grupo 1 e no Grupo 2! Participe também do Grupo de Discussão.

Conforme o boletim de ocorrência, por volta de 08h a equipe do 5º Batalhão da PM recebeu informações sobre um roubo em um estabelecimento comercial, na região central da cidade. No endereço informado, a PM encontrou um funcionário da loja, que disse que, ao abrir o comércio, dois homens armados invadiram o local e anunciaram o roubo.

Segundo o homem, os criminosos realizavam ameaças de morte. Uma funcionária teria sido rendida e amarrada por um dos criminosos. Ainda de acordo com as vítimas, os suspeitos teriam foragido após subtraírem 75 aparelhos celulares, peças de semijoias e a quantia de R$ 1.380,00 em dinheiro.

Leia Também:  Menino de três anos é estuprado enquanto passava o final de semana com o pai

De posse das informações e características, os policiais militares realizaram diligências pela região central da cidade e localizaram dois homens em uma motocicleta, próximos de um ponto de ônibus, tentando destruir três celulares.

Foi feita abordagem à dupla e identificado que os aparelhos seriam das vítimas do roubo. Em revista pessoal foi localizado um revólver de calibre .38 carregado com seis munições e uma mochila onde estavam os 75 celulares e as peças de semijoias.

Diante da situação, os dois homens receberam voz de prisão e foram encaminhados para a Delegacia de Rondonópolis, junto com o material apreendido, para registro da ocorrência e demais providências. No local, as vítimas do crime realizaram a identificação dos suspeitos e recuperação dos objetos roubados.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA