CUIABÁ

MATO GROSSO

Cuiabá sedia última etapa Open do Circuito Brasileiro de Vôlei de Praia 2021

Publicado em

MATO GROSSO


Com a participação de atletas olímpicos, ídolos consagrados e jovens promessas, o Circuito Brasileiro de Vôlei de Praia volta a ser sediado em Cuiabá. De 01 a 05 de dezembro, as melhores duplas do país disputam a quinta e última etapa Open da temporada 2021.

Para receber a competição nacional, uma mega estrutura com capacidade para 1500 pessoas já está sendo montada no estacionamento do Ginásio Aecim Tocantins. O evento esportivo terá entrada gratuita e contará com cobertura em todas as arquibancadas. 

Em 2019, Cuiabá sediou a segunda etapa Open do Circuito Brasileiro de Vôlei de Praia que consagrou como campeãs as duplas Alison e Álvaro Filho e Ana Patrícia e Rebecca, ambas representantes do Brasil nos Jogos Olímpicos de Tóquio. 

A quinta etapa Open da temporada 2021 é realizada pela Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) em parceria com a Federação Mato-grossense de Voleibol (FMTV) e Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel-MT).

“Durante cinco dias, a população de Mato Grosso poderá acompanhar gratuitamente um espetáculo de lazer e entretenimento. Será um grande evento esportivo que traz muita visibilidade à cidade e ao Estado, movimentando muitos setores e que, além disso, ajuda a motivar a prática desportiva”, destaca o titular da Secel, Alberto Machado, o Beto Dois a Um.

Leia Também:  Secretária interina de Saúde representa Cuiabá em reunião do Conares e debate ampliação de leitos de UTI com ministro

Credenciamento de imprensa

Os veículos de comunicação interessados em cobrir a competição realizada em Cuiabá (MT), devem enviar o pedido de credenciamento para o e-mail [email protected] até às 18h da próxima sexta-feira (26.11). 

É necessário informar o nome do veículo, além do nome e cargo dos profissionais interessados na cobertura. Os pedidos aprovados receberão um e-mail de confirmação com local e horário para retirada das credenciais na próxima segunda-feira (29.11).

Será obrigatório a apresentação de documento original com foto, carteira de vacinação comprovando as duas doses completas ou exame PCR Negativo com até 48 horas.

Programação / horário local

01.12 (quarta-feira): das 8h às 18h 

02.12 (quinta-feira): das 9h às 18h30 

03.12 (sexta-feira): das 8h às 20h30 

04.12 (sábado): das 9h às 12h; das 15h às 17h; das 19h às 21h

05.12 (domingo): das 9h às 11h 

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

MATO GROSSO

Mais de 280 profissionais são capacitados em urgência e emergência psiquiátrica

Publicados

em


Mais de 280 profissionais de diferentes áreas e que atuam na região do Teles Pires participaram do curso de atualização em Atenção à Crise em Urgência e Emergência Psiquiátrica, que foi promovido por meio de unidades geridas à Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT).

A capacitação foi oferecida pelo Escritório Regional de Saúde de Sinop em parceria com a Escola de Saúde Pública (ESP-MT), o Núcleo de Educação Permanente do CIAPS Adalto Botelho, a Comissão de Residência Médica, a Comissão Intergestores Regional (CIR) e a Comissão de Integração Ensino Serviço (CIES).

Na primeira etapa do curso, foram realizadas aulas teóricas presenciais e online, com 280 participantes. Já na segunda etapa, que contou aulas práticas ministradas por profissionais do CIAPS Adauto Botelho, foram capacitados 168 profissionais dos 14 municípios da Região Teles Pires.

O diretor geral do CIAPS Adauto Botelho, Paulo Henrique de Almeida, destacou que o objetivo da capacitação é oferecer instrumentos teóricos e práticos para a avaliação, intervenção e encaminhamento das principais emergências e urgências psiquiátricas em Mato Grosso.

Leia Também:  Última etapa do ciclo de capacitação Gestão Eficaz de 2021 será na próxima segunda-feira (29)

“Além de capacitar, o curso visa fortalecer a RAPS dos municípios e oferecer um atendimento mais humanizado à população que necessita do serviço. Cada participante será multiplicador do conhecimento para os seus municípios”, pontuou o gestor.

Neste curso, foram contemplados profissionais de diversas áreas que compõe a rede de atenção psicossocial, dentre eles: médicos, enfermeiros, psicólogos, assistentes sociais, técnicos de enfermagem, policiais, bombeiros, nutricionistas, educadores físicos, professores, fonoaudiólogos, motoristas condutores de ambulância, cuidadores da Casa Lar, agentes de segurança, assistentes administrativos, fiscais sanitários, agentes comunitários de saúde, acadêmicos e recepcionistas.

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA