CUIABÁ

ATO DE CORAGEM

Homem mata ladrões que torturaram seu vizinho durante roubo

O caso ocorreu na quinta-feira (16) em Poconé, após bandidos invadiram casa da vítima

Publicado em

GERAL

Foto: Divulgação

Um homem matou a tiros uma dupla que fez refém e torturou o vizinho dele durante um roubo nesta quinta-feira (16), em Poconé (104 km de Cuiabá).

Testemunhas acionaram a Polícia Militar para ir à Rua Tenente Silvio Brandão, onde o roubo estava acontecendo em uma casa.

Em conversa com os policiais, o homem feito refém contou que os ladrões entraram pelo fundo da residência.

A filha dele foi rendida na área externa, enquanto jantava. Já ele foi pego dentro do quarto.

Os criminosos o amarraram e passaram a agredi-lo na cabeça. Ele então gritou por socorro, chamando a atenção de moradores das redondezas.

O vizinho chegou na casa e imediatamente atirou nos ladrões, matando-os na hora. Eles foram identificados como C.S.S. e T.W.S.

A vítima relatou que não conhecia o vizinho.

A Polícia Civil foi acionada para investigar o caso. Um boletim de ocorrência foi registrado.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Entenda por que 8 de dezembro é feriado municipal em Cuiabá
Propaganda

GERAL

Motoristas das categorias C, D e E com exame toxicológico vencido têm até o dia 28 para regularização

Publicados

em

Foto: Marcos Vergueiro/Secom-MT

Os motoristas das categorias C, D e E que estão com o exame toxicológico vencido devem regularizar a situação até o dia 28 de dezembro de 2023. O prazo foi determinado pela resolução nº 1.002, do Conselho Nacional de Trânsito (Contran).

Para regularizar, os condutores dessas categorias devem providenciar a realização do exame toxicológico em laboratórios devidamente credenciados à Secretaria Nacional de Trânsito (Senatran) e não precisam comparecer ao Detran para apresentar o exame, uma vez que o resultado é lançado pelo laboratório credenciado diretamente no sistema nacional, sendo disponível para consulta através do aplicativo Carteira Digital de Trânsito (CDT) do Governo Federal.

– CONFIRA AQUI OS LABORATÓRIOS

O exame toxicológico é obrigatório na obtenção ou renovação da Carteira Nacional de Habilitação (CNH), para as categorias C, D e E, sendo realizado a cada dois anos e seis meses.

O artigo 165-D (que tem sido chamado “multa de balcão”) ainda não foi regulamentado pela Secretaria Nacional de Trânsito, portanto, a multa não será aplicada de forma automática.

Os condutores que deixarem de realizar o exame ou continuarem dirigindo (independente da categoria do veículo), com o exame toxicológico vencido incorrerá em infração de trânsito, com multa de R$ 1.467,35 e inclusão de 7 pontos na CNH.

Leia Também:  Posto da PRF em Sinop muda de lugar e tem aumento no preço

Em caso de resultado do toxicológico positivo, o condutor não poderá conduzir veículo por 3 meses. Além disso, o condutor não poderá renovar a Carteira Nacional de Habilitação até que seja feito o exame com resultado negativo.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA