CUIABÁ

LATROCÍNIO

Empresário morre após ser assaltado em pista de corrida e ter mal súbito

Amigo acompanhou Manoel Messias Lopes Filho até sua casa e vítima foi socorrida por familiares, mas não resistiu

Publicado em

GERAL

Foto: Reprodução / Redes sociais

O empresário Manoel Messias Lopes Filho, 56 anos, morreu após sofrer um assalto em uma pista de corrida no bairro Parque Sagrada Família, em Rondonópolis. Os criminosos abordaram Manoel, conhecido como Júnior na região, e um amigo durante uma caminhada nessa quarta (25.05).

– NOTÍCIAS EM TEMPO REAL: participe do grupo do MT Notícias no WhatsApp e acompanhe tudo em primeira mão. Inscreva-se aqui no Grupo 1 e no Grupo 2! Participe também do Grupo de Discussão

Um dos ladrões agrediram o empresário para levar uma corrente de ouro. O alvo dos bandidos caiu e bateu a cabeça. O acompanhante de Júnior o ajudou a levantar e o levou até a sua casa. Chegando na residência, o homem passou mal e faleceu.

O corpo da vítima foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) e passará por exame de necropsia. A esposa de Manoel relatou aos policiais que o marido chegou em casa lúcido e conversando. Ele contou o que havia ocorrido e que bateu a cabeça, horas depois passou mal e não resistiu.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi acionado e levou o homem ao Hospital Regional, mas ele veio a óbito minutos após dar entrada na unidade de saúde.

Leia Também:  Mais um suspeito do assassinato de Bruno e Dom é preso em São Paulo

O caso é investigado como latrocínio.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

GERAL

Sesc-RJ investirá R$ 30 milhões em produções artísticas

Publicados

em

Terminam no dia 8 de julho as inscrições de propostas artísticas de todo o país para o Edital de Cultura Sesc-RJ Pulsar 2022/2023. A iniciativa quer fomentar e apoiar a produção artística e cultural em suas diversas manifestações, estimulando os processos artísticos em desenvolvimento com a formação de público e a inclusão social. Serão distribuídos, no total, R$ 30 milhões para as produções artísticas selecionadas, incluindo o edital principal e seus desdobramentos, que serão lançados ainda este ano, para outros projetos culturais estratégicos.

O presidente do Sesc-RJ e do Sistema Fecomércio-RJ, Antonio Florencio de Queiroz Junior, lembrou que, no ano passado, foi lançada a primeira edição do Edital Sesc-RJ Pulsar. “O sucesso da iniciativa pode ser observado hoje nos nossos equipamentos culturais, que estão recebendo uma enorme variedade de obras artísticas, de elevada qualidade técnica e com conteúdos de grande relevância social”. Queiroz Junior destacou que, este ano, o Sesc-RJ está consolidando o edital como uma ferramenta de democratização da cultura e de fomento a esse setor da economia que foi bastante afetado durante a pandemia, merecendo, por isso, toda a nossa atenção”.

Leia Também:  Avião com corpos de Dom e Bruno deixa Brasília

O edital se baseia em três pilares, representados pelos verbos reconectar, movimentar e impulsionar. A intenção é reconectar o artista com o palco, movimentar a relação dele com o público do Sesc-RJ e impulsionar o fazer artístico em todas as suas esferas. O título Pulsar remete à ideia de “estar vivo”, numa alusão à resistência da cultura diante da pandemia da covid-19, informou o presidente do Sesc-RJ.

Pessoas jurídicas

Podem se inscrever no edital projetos de todo o Brasil de exposições de artes visuais; de audiovisual expandido; espetáculos teatrais, circenses e de dança; temporadas de teatro, dança e circo; realizações literárias; apresentações musicais; além de licenciamento de curtas-metragens, destinados aos públicos adulto e infantil. As inscrições são feitas por meio de formulário eletrônico disponível no site do Sesc RJ (www.sescrio.org.br) e estão abertas a pessoas jurídicas estabelecidas no Brasil, com ou sem fins lucrativos, de natureza cultural, legalmente constituídas, além de microempreendedores individuais (MEI).

A seleção ocorrerá em duas etapas, sendo a primeira de caráter eliminatório, quando serão avaliadas a documentação e adequação técnica da proposta. Na segunda etapa, os projetos serão analisados pela Comissão de Seleção e Avaliação do Sesc-RJ. A divulgação dos resultados está prevista para acontecer no dia 28 de outubro.

Leia Também:  Receita e Anatel apreendem celulares do comércio irregular no Rio

As obras selecionadas serão apresentadas em diferentes ambientes como espaços expositivos, salas de teatro, auditórios e espaços abertos dentro das unidades do Sesc no território fluminense. Os valores destinados a cada produção dependem do porte e da linguagem artística, informou o Sesc-RJ.

Edição: Kelly Oliveira

Fonte: EBC Geral

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA