CUIABÁ

ENTRETENIMENTO

Justiça usa força policial para penhorar bens na casa do cantor Hudson

Publicado em

ENTRETENIMENTO

source
Justiça usa força policial para penhorar bens na casa do cantor Hudson
The Music Journal Brazil

Justiça usa força policial para penhorar bens na casa do cantor Hudson

O cantor Hudson , que faz parte da dupla com Edson , foi alvo de um processo judicial onde foi necessária a utilização da força policial para que eles realizassem uma penhora de bens na casa do sertanejo, que fica em Limeira , interior de São Paulo . As informações são do UOL.

Segundo a publicação, a ordem da penhora foi executada pelo juiz Guilherme Silveira Teixeira em um processo que foi movido por Wagner Mendes da Cunha, ex-empresário da dupla. Ele cobra na justiça uma dívida dos artistas referente a R$ 9 milhões.

O referido montante financeiro se refere a uma multa pelo descumprimento de um contrato celebrado por Edson e Hudson com o empresário no ano de 2009.

O uso da força policial

A ação policial realizada em Limeira foi autorizada no dia 27 de maio e incluía o arrombamento do imóvel e eventuais cofres, caso fosse dificultada a execução da penhora.

Leia Também:  "STF no TikTok" ganha Prêmio Nacional de Comunicação e Justiça na categoria Mídia Social

“Caso estritamente necessário, fica deferida ordem de concurso policial e ordem de arrombamento, inclusive de cofres eventualmente existentes” , determinou o juiz Guilherme Silveira Teixeira, conforme relatou o UOL.

A defesa de Hudson , de acordo com o portal, só ocorreria em caso de “estrita necessidade” e que a penhora, segundo ela, foi um “verdadeiro ato de terrorismo”.

“A penhora se transformou em uma operação policial, em verdadeiro ato de terrorismo em seu nome (o do juiz), inclusive com ameaças feitas aos colaboradores da portaria, que apenas realizavam seus serviços diários”, reclamou o corpo jurídico de Hudson.

A justiça ainda analisará a representação.

Fonte: IG GENTE

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

ENTRETENIMENTO

Monica Benini, esposa de Júnior Lima, passa por cirurgia de emergência

Publicados

em

Monica Benini e Junior Lima estão juntos desde 2013
Reprodução/Instagram

Monica Benini e Junior Lima estão juntos desde 2013

Monica Benini, esposa de Júnior Lima, contou que foi operada às pressas neste fim de semana após sofrer com fortes dores abdominais. A influenciadora contou nesta terça-feira (5) que passou mal e precisou ir às pressas ao pronto-socorro. 

“Para servir de alerta para a gente nunca camuflar as dores que sentimos, sempre checar e nunca se automedicar”, disse no texto, que explica o acontecido. Segundo Monica, os sintomas começaram leves e se agravaram. 

“De domingo para segunda, comecei a sentir uma sensação de azia. Ontem a dor começou a aumentar e estava brincando com o Otto e não consegui caminhar direito. Quase desmaiei. Liguei por Junior e ele veio correndo… Pensei: se estou sentindo dores que nunca senti é porque está acontecendo alguma coisa”, disse.

Leia Também:  Pastor Márcio Poncio declara fortuna à Justiça Eleitoral

Após bateria de exames, ela descobriu que estava com apendicite. “Não ando só. Obrigada, anjo da guarda”, afirmou ela. 


Fonte: IG GENTE

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA