CUIABÁ

ECONOMIA

Conta de luz terá bandeira verde em fevereiro para os mais pobres

Publicado em

ECONOMIA


source
Beneficiários da tarifa social de energia terão bandeira verde na conta de luz em fevereiro
Fernanda Capelli

Beneficiários da tarifa social de energia terão bandeira verde na conta de luz em fevereiro

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) anunciou nesta sexta-feira (28) que irá aplicar a bandeira tarifária verde no mês de fevereiro para os consumidores que recebem o benefício da Tarifa Social de Energia Elétrica. Com essa bandeira, que indica condições favoráveis de geração de energia, não há acréscimos na tarifa.

A bandeira verde também esteve em vigor nos meses de dezembro e janeiro. Para os demais consumidores de energia elétrica, a bandeira vigente até abril será a de Escassez Hídrica, no valor de R$ 14,20 a cada 100 kWh consumidos.

A bandeira tarifária é um adicional cobrado nas contas de luz para compensar os custos extras decorrentes da geração de energia por meio de usinas termelétricas. A bandeira ficará verde por conta da previsão de chuvas dentro da média, o que favorece a geração de energia por termelétricas.

Neste momento, a bandeira verde vale apenas para os consumidores com tarifa social, que programa que concede descontos a consumidores de baixa renda inscritos em benefícios do governo.

Instituída pelo Ministério de Minas e Energia, a bandeira Escassez Hídrica visa a cobrir os custos da geração de energia por usinas térmicas necessárias para garantir o fornecimento durante a crise hídrica. A bandeira Escassez Hídrica seguirá em vigor até abril de 2022.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

ECONOMIA

Governo quer privatizar Porto de Santos ainda neste ano, diz ministro

Publicados

em

source
Governo quer privatizar Porto de Santos ainda neste ano, diz ministro
Arquivo/ Agência Brasil

Governo quer privatizar Porto de Santos ainda neste ano, diz ministro

O ministro da Infraestrutura, Marcelo Sampaio, nesta quinta-feira (26) que o governo mantém a intenção de privatizar o Porto de Santos ainda em 2022, junto com a 7ª rodada de leilões de aeroportos. Segundo Sampaio, o calendário eleitoral não deve afetar as vendas. 

O edital deve ser lançado no quarto trimestre, e o leilão ainda este ano, disse o ministro a jornalistas da mídia internacional.

Entre no  canal do Brasil Econômico no Telegram e fique por dentro de todas as notícias do dia. Siga também o  perfil geral do Portal iG 

A 7ª rodada de aeroportos inclui os terminais de Congonhas (SP), Campo Grande (MS), Santarém (PA), Marabá (PA), Altamira (PA), Uberlândia (MG) e Montes Claros (MG) deve acontecer até agosto, mas o governo aguarda aval do TCU (Tribunal de Contas da União) para o edital. 

Sampaio alfinetou o líder das pesquisas eleitorais, Luiz Inácio Lula da Silva, dizendo que com ele no Planalto não será possível ter os investimentos necessários para infraestrutura do país sem a participação do capital privado.

 “Essa é uma demanda da sociedade”, disse ele.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA