CUIABÁ

QUER O SENADO

Geller aposta em santo de casa para ‘bombar’ candidatura

Publicado em

Conversa de Bastidor

Reprodução

Servidor de carreira da Secretaria Estadual de Saúde há mais 14 anos, o deputado estadual Paulo Araújo (PP) tem sido um dos poucos políticos conhecido pelos eleitores da Baixada Cuiabana e se empenhar na pré-candidatura de Neri Geller ao Senado.

– NOTÍCIAS EM TEMPO REAL: participe do grupo do MT Notícias no WhatsApp e acompanhe tudo em primeira mão. Inscreva-se aqui! 

O deputado federal Neri Geller (PP-MT), um dos principais representantes da bancada ruralista, é o atual vice-presidente da Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA).

O deputado, que já ocupou o cargo de Ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) no governo de Dilma Rousseff, em 2014, e por duas ocasiões foi secretário de Política Agrícola do Ministério, em 2013 e 2016, tem berço político em um dos principais polos de soja do país, o município mato-grossense Lucas do Rio Verde, conhecido como a “capital da agroindústria”.

Contudo, o ‘grosso’ dos votos dos mato-grossenses está na baixada cuiabana, onde residem mais de 60% da população do estado.

Leia Também:  Juca e seu projeto para a Assembleia Legislativa

Em entrevistas, Geller tem ratificado seu compromisso com o estado de Mato Grosso, em particular com a região Norte, onde o parlamentar obteve a grande maioria dos seus 73.072 votos.

Agora, volta seus esforços para a capital e municípios adjacentes, a fim de ‘bombar’ sua chances ao Senado. Com o santo de casa Paulo Araújo, espera conseguir uma maior inserção nessa região.

 

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Conversa de Bastidor

Jornalista enfrenta a Covid pela 3ª vez

Publicados

em

Reprodução

O editor do jornal Estadão Mato Grosso, jornalista Tarley Carvalho, de 31 anos, começou sua terceira batalha contra o novo coronavírus.

– NOTÍCIAS EM TEMPO REAL: participe do grupo do MT Notícias no WhatsApp e acompanhe tudo em primeira mão. Inscreva-se aqui!

Ele passou mal na última terça-feira, 25 de janeiro, e testou positivo nesta quarta (26.01).

O comunicador já recebeu duas doses da vacina contra a doença e deveria ser imunizado com a terceira no começo deste mês, mas não pôde devido a uma gripe.

O jornalista é hipertenso e tem problemas de coração, o que o torna parte do grupo de risco.

Tarley testou positivo pela primeira vez no dia 10 de novembro de 2020.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Edna Sampaio repensa Senado
Continue lendo

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA