CUIABÁ

TRADIÇÃO

Duelo amador e profissional: abertas inscrições para Prova do Laço da 54ª Expoagro

A 54ª Expoagro contará ainda com o Fórum das Cadeias Produtivas, de 4 a 6 de julho

Publicado em

AGRICULTURA

Reprodução

Além do hipismo e do rodeio, outra grande atração esperada na 54ª Expoagro é a Prova do Laço. Nos dias 06 e 07 de julho, cavaleiros e amazonas, de todas as idades, se reúnem no Parque de Exposições de Cuiabá para disputar os duelos amador e profissional.

– NOTÍCIAS EM TEMPO REAL: participe do grupo do MT Notícias no WhatsApp e acompanhe tudo em primeira mão. Inscreva-se aqui no Grupo 1 e no Grupo 2! Participe também do Grupo de Discussão

O diretor do Sindicato Rural de Cuiabá, Daniel Monteiro, destaca que a Prova do Laço é uma tradição na Expoagro. Além disso, valoriza o esporte equestre. “O evento abrange não só a competição em si, mas agrega amigos e família”, afirmou.

Outro ponto salientado por Daniel é a geração de empregos diretos e indiretos. “As provas envolvem diversos profissionais, como tratadores, treinadores, laçadores, entre outros. Fomenta o mercado do cavalo como um todo”.

As inscrições para a Prova do Laço estão abertas e podem ser realizadas por meio do telefone (65) 9.9996-6502 com Letícia Gabriela. E custam R$ 650,00. Podem participar competidores a partir de 6 anos. As disputas ocorrerão, a partir das 7h, nos dias 06 e 07 de julho, no Parque de Exposições de Cuiabá.

Leia Também:  Quatro jovens são executados e investigação termina com três mortos e dois feridos

PROGRAMAÇÃO

A 54ª Expoagro contará ainda com o Fórum das Cadeias Produtivas, de 4 a 6 de julho, com palestras e conteúdos técnicos. Além disso, o evento terá ainda hipismo, cavalgada, cursos e oficinas gratuitas de capacitação, ministrados pelo Senar-MT. E atrações como rodeio e shows nacionais.

A abertura do rodeio será dia 7 de julho e, em seguida, ocorrerá o show do cantor Zé Felipe. No dia 8 de julho, os shows são com Grupo Sorriso Maroto e Dilsinho e, no dia 9 de julho, o encerramento é com a dupla Henrique e Juliano.

Os ingressos podem ser adquiridos nos seguintes locais:

CUIABÁ

– Bilheteria Musiva

– Casa de Festas Pantanal Shopping

– Casa de Festa Morada do Ouro

– Prime Eventos Shopping Estação

– Aleatory Shopping 3 Américas

– Paris6 Goiabeiras Shopping

VÁRZEA GRANDE

– Fast Escova Várzea Grande

– Aleatory Várzea Grande Shopping

VENDA ONLINE: ingressos.musiva.com.br

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

AGRICULTURA

Produção de mel ultrapassa 1 ton após conhecimento do SENAR-MT

Publicados

em

Em seis anos de experiência como apicultor, Antônio Agêncio Pereira havia conquistado uma produção de 500 kg de mel mensalmente. Porém, em pouco mais de um ano, essa quantidade dobrou e hoje alcança a marca de 1,2 tonelada. A mudança, segundo o apicultor, iniciou em um curso do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Mato Grosso (Senar-MT) e Sindicato Rural de Jaciara.

“Temos crescido muito com os cursos ofertados em apicultura. Desde 2015 eu só produzia 500 kg e depois que eu fiz a capacitação passei uma tonelada. Eu creio que estou no caminho certo e agradeço por todo o ensinamento”, destacou o apicultor que atualmente é o presidente da Associação de Apicultores do Vale do São Lourenço (Apivale), fomentada e criada após o treinamento.

Antônio percorreu mais de 70 km para participar do Dia de Campo de Apicultura da Assistência Técnica e Gerencial (ATeG) que foi realizado no município de Rondonópolis. Mas, não foi o único que se deslocou de sua cidade para adquirir mais conhecimento. O evento também contou com a presença de apicultores de Pedra Preta e Guiratinga.

Leia Também:  Hospital Municipal de VG faz primeiro transplante de órgãos em 33 anos

“Participantes do curso de apicultura estão entusiasmados em conhecer mais sobre essa cadeia produtiva. É um universo muito rico. Já vamos pedir outro curso de apicultura e uma frente de ATeG ao nosso município”, afirmou a presidente do Sindicato Rural de Guiratinga, Juliana Mesquita Borges.

O evento de compartilhamento de experiências foi promovido pelo Senar-MT, por meio da ATeG. Foi um dos primeiros Dias de Campo dessa cadeia produtiva em Mato Grosso e reuniu 103 participantes, somando Rondonópolis e Alto Araguaia, as duas cidades que receberam eventos de apicultura, durante os 100 Dias de Campo.

Dentre os assuntos abordados estiveram beneficiamento da produção e técnicas de captura de enxame. Segundo Antônio Agêncio, foi uma oportunidade de aprender ainda mais sobre o ramo. “O dia de campo nos orienta mais do que já sabemos. Tivemos aulas de fundamental importância. O Senar-MT tem proporcionado um grande trabalho ao pequeno agricultor”, destacou.

 

Assistência Técnica

Além de presidente da Apivale, Antônio está entre os 150 apicultores atendidos pela ATeG do Senar-MT. Em Jaciara, os atendimentos iniciaram em 2022 e já beneficiam um grupo de 30 apiários. Os interessados devem entrar em contato com um dos 93 Sindicatos Rurais e solicitar atendimento.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA